Bem vindo ao nosso forum ! É seu primeiro acesso?
Registro
Página 2 de 2 PrimeiroPrimeiro 12
Resultados 16 a 19 de 19
  1. #1
    Ultimate Fighter
    Inicio
    Oct 2010
    Localização
    Bahia
    Posts
    13.445

    Blade Runner 2049


  2. #16
    Ace Fighter
    Inicio
    Oct 2010
    Localização
    Designer's City
    Posts
    993

    Re: Blade Runner 2049

    A IA dos bots tah melhorando, daqui a pouco vão falar português

  3. #17
    Ultimate Fighter
    Inicio
    Jun 2011
    Localização
    São Paulo
    Posts
    13.775

    Re: Blade Runner 2049

    Esses bots estão cada vez mais surpeendentes!

  4. #18
    Beginner Fighter
    Inicio
    Sep 2019
    Localização
    Egypt
    Posts
    1

    Blade Runner 2049

    I was in when I saw the original Blade Runner. Im in again. Whether or not this movie is good, or a steaming pile of offal, will not deter from the original in any way. I do hope that this movie adds to the story and setting that is Blade Runner is a positive way.

    O

  5. #19
    Advanced Fighter
    Inicio
    Aug 2011
    Localização
    Assis,são paulo
    Idade
    36
    Posts
    622

    Re: Blade Runner 2049

    Eu sempre adorei o Blade Runner original, a atuação do agora falecido Rutger Hauer foi histórica com sua fala:

    "Eu vi coisas que vocês, humanos, nem iriam acreditar. Naves de ataque pegando fogo na constelação de Órion. Vi Raios-C resplandecendo no escuro perto do Portão de Tannhäuser. Todos esses momentos ficarão perdidos no tempo, como lágrimas na chuva. Hora de morrer"

    Ele dizia isso enquanto segurava um pombo demonstrando seu amor a natureza maior do que os próprios ditos humanos tem e sua vontade de deixar a marca no mundo de que existiu, o filme explora magnificamente um confronto ético entre humanos e replicantes que com o tempo faz vc chegar ao ponto de torcer pelos replicantes por motivações e ética muito mais dignas que os humanos, os replicantes que no começo do filme são retratados como assassinos frios e violentos aos poucos vão demonstrando sua humanidade e dignidade e no final do filme vc começa a os ver como vítimas dos humanos que os criaram e os trataram como objetos.

    Existem também outras coisas que ficam no ar como por exemplo a possibilidade de Rick Deckard ser um replicante (existe uma cena onde seus olhos brilham assim como dos replicantes) e também as prováveis consequências de um humano (Rick Deckard) levar uma vida a dois com uma replicante (Rachael), como seriam os descendentes dessa união? Uma replicante pode gerar vida (engravidar)? Até quando viveria Rachael? Enfim o filme é quase perfeito (se é que existe perfeição).

    Assisti o novo filme a pouco tempo, sim eu demorei anos do seu lançamento para assistir, no começo nem eu sabia o porque demorei tanto para ver a continuação de um filme que gostava muito mas agora pensando melhor acho que tinha medo do novo filme ser uma porcaria e estragar tudo que o primeiro tinha construído, mas depois de assistir a continuação não a achei ruim, foram muito espertos de não tentar alterar nada do que aconteceu no primeiro, o filme dá todas as respostas para as questões que ficaram pendentes no primeiro, criaram também muito bem as novas categorias de replicantes (muito mais inteligentes e eficientes que os antigos força bruta), também foi inteligente o modo como mostram o implante de lembranças para determinar a personalidade do replicante usando as lembranças adequadas para as funções que o replicante vai ter na sociedade, me parece que o novo filme não foi um baita sucesso como se esperava mas é um filme digno, acho que "pagou" por ser a continuação de um filme tão cultuado e ai já entra o: "Nada vai superar o épico original não importa o que façam".

    O enredo não é tão profundo e dramático com as relações humanas como o primeiro, ele é mais voltado para a ação tento como única questão dramática a dúvida sobre o protagonista ser ou não o filho de Rick Deckard e a relação incompleta com sua esposa que só "existia" através de hologramas, mas é sim um bom filme.

    Obs.: O ator Rutger Hauer morreu no mesmo ano (2019) que seu personagem Roy Batty morreu no filme, macabra coincidência.

Marcadores

Permissões de Postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •